terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Ano Novo X Uso de Álcool



Final do ano é sinônimo de bebedeira para muitos.

Para quem está acostumado a tomar um porre no Natal e no Ano Novo, alertem: pois o álcool talvez seja a droga mais antiga usada pela espécie humana.

Assim como outras drogas que causam dependência, o álcool reforça o seu próprio consumo através da ativação do circuito de recompensa do cérebro.

O álcool causa vários efeitos agudos, como exemplo, a embriaguez, tendo como causa mais freqüente a depressão do sistema nervoso central.

Os efeitos agudos do álcool têm conseqüências significativas, incluindo a dificuldade de discernimento.

O consumo reptido de álcool pode induzir à tolerância, o que significa que a quantidade necessária para produzir o efeito desejado tem que ser progressivamente aumentada.

O consumo repetido de altas quantidades de álcool, soma alguns efeitos crônicos aos agudos como dependência física, lesão dos orgãos (principalmente estômago,fígado e cérebro), elevação da pressão sangüínea e outros.

Festejemos 2009, porém, sem excessos!!!!!

Feliz Ano Novo!!!!!

3 comentários:

Oso conocido disse...

Si,
sin excesos!!!
...y más para los que conducen automóviles!!!

Querida Rosa!
Deseo pra você toda la Felicidad del mundo!
Que tengas Paz y que la Armonía reine en tu Vida!!!
Deseo un MARAVILLOSO año 2009!!!
MUCHAS FELICIDADES!!!

Desde Buenos Aires envio un fuerte abrazo para vos ROSA!

besos

Oso

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Desejo que no Ano Novo que se inicia você realmente…
Ouça as palavras que sempre desejou ouvir .
Pronuncie as frases que um dia desejou repetir.
Sinta a emoção que sempre esperou sentir.
Caminhe pelos trilhos que um dia desejou seguir.
Divida o carinho com quem sempre desejou repartir.
Abrace todos os amigos que sempre desejou reunir,
Que Deus lhes abençoe mais e mais...
Que só rolem lágrimas de amor e felicidade em sua face...
FELIZ 2009

Paulo Roberto disse...

DRA.ROSA CARVALHO,

CONCORDO QUE AS BEBIDAS ALCOOLICAS SEJA PREJUDICIAL A SAÚDE QUANTO AO EXCESSO. MAS, CÁ PRÁ NÓS,...QUEM É QUE VAI SE PREOCUPAR EM BEBER UNS COPOS A MAIS E PRINCIPALMENTE NAS FESTAS COMEMORATIVAS DE FIM DE ANO? O FATO É QUE TODOS NÓS SABEMOS QUE AS DROGAS, DE UM MODO GERAL, CRIAM DEPENDÊNCIA. O ALCOOL TAMBÉM É UMA DROGA,PODE CRIAR
DEPENDÊNCIA,MAS DE TODAS É A MAIS BRANDA. TODAS ESSAS COISAS DITAS SOBRE AS BEBIDAS ALCOOLICAS SÃO DESCRITAS POR QUEM NÃO BEBE, É PROIBIDA DE BEBER PELA RELIGIÃO, NÃO PODEM BEBER POR OUTROS MOTIVOS OU JÁ FORAM ALCOOLATRAS E AGORA VÊEM O MUNDO POR UM LADO PROIBITIVO E CRUEL. AS BEBIDAS ALCOOLICAS NÃO FORAM CRAIDAS PARA QUE AS PESSOAS SE EMBRIAGASSEM. ELAS SURGIRAM PARA ALEGRAR A VIDA DAS PESSOAS. É LÓGICO QUE TODO EXCESSO PERDE O SEU OBJETO E COMO TAL PRODUZ EFEITOS INDESEJÁVEIS, TANTO PARA QUEM FAZ O USO, QUANTO PARA AQUELAS QUE ESTÃO AO SEU LADO.
PORTANTO, DEUS NOS DEU O LÍVRE ARBÍTRIO. NÃO SE PODE CONFUNDIR BEBER UM APERITIVO COM SE EMBRIAGAR. PARA ENCERRAR, VEJA BEM, EXISTE UMA ESTATÍSTICA QUE DOS 100 % DOS ACIDENTES DE TRÂNSITO, 25 % OS RESPONSÁVEIS ESTAVAM EMBRIAGADOS....PORTANTO OS OUTROS 75 % E MAIORES CAUSADORES DOS ACIDENTES,.... PASMEM !!!! NÃO TINHAM BEBIDO NADA ! E NA SUA MAIORIA ERAM MULHERES !