quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Terapia Cognitivo Comportamental

A terapia cognitiva comportamental é baseada na estrutura que um pensamento gera um sentimento que induz a um comportamento. Seu foco está no esclarecimento e modificação das distorções que ocorrem nos pensamentos, que são responsáveis pelos sentimentos negativos e que resultam em condutas inadequadas ou causadoras de sofrimento.
A base da terapia cognitiva é que os sentimentos e os comportamentos são determinados pela maneira que ele estrutura e interpreta o mundo, como ele pensa, de acordo com suas crenças. Quando o sujeito analisa suas crenças pode modificá-las, afetando seu emocional.
O objetivo é a re-estruturação destes pensamentos fazendo com que a pessoa encontre distorções da realidade que possam estar gerando sofrimento.
Os pensamentos automáticos devem ser analisados com bastante atenção na terapia cognitiva. As razões que levam-nos a criar certos conceitos podem ser baseadas em intuições distorcidas.
As crenças centrais das pessoas são produzidas desde a infância, desta maneira é mais fácil entender os estados de imaturidade a que são remetidas as pessoas em grande angústia.
A postura do terapeuta é de suma importância, não podendo ficar escondido atras da técnica e deixando a relação terapêutica de lado. A confiança, o rapport e a colaboração são fundamentais. Existe ali uma equipe que busca atingir metas específicas e mensuráveis.

Um comentário:

Véu de Maya disse...

é uma belíssima terapia!

cumprimentos