sexta-feira, 15 de maio de 2009

Síndrome do Pensamento Acelerado



A nossa sociedade anda cada vez mais apressada. As próprias crianças vivem numa correria desenfreada tipo casa-escola-ginásio-casa, com múltiplas tarefas e enfrentando o trânsito caótico nas grandes cidades.A simples vivência dos ruídos (nas escolas, nas fábricas, nos escritórios, nas ruas, etc.) expõe as pessoas a um stress doentio que acabará em desgaste e desmotivação.
A SPA (Síndrome do Pensamento Acelerado) é uma doença moderna caracterizada principalmente pelo excesso de estímulos abstraídos da televisão, Internet, etc. As pessoas que sofrem desse problema não conseguem manter uma qualidade de vida desejável, pois são inconstantes, insatisfeitas e emocionalmente instáveis.
As pessoas que sofrem desse problema não conseguem manter uma qualidade de vida desejável, pois são inconstantes, insatisfeitas e emocionalmente instáveis.

A ansiedade que manifestam no dia-a-dia faz com que se sintam desmotivadas e impulsionadas a querer sempre mais, daí a inconstância e a compulsão pelas conquistas.

Devido ao excessivo número de informações diárias, preocupações sociais e intensa atividade no trabalho, esses indivíduos tornam-se irritados, insatisfeitos com sua própria vida, têm dificuldades para se concentrarem, insônia, cansaço, fadiga e se sentem incapazes de sentir alegria na realização das atividades diárias.

No meio escolar podemos observar que o índice de casos da SPA é extremamente expressivo, pois os alunos demonstram uma dificuldade acentuada em manter a atenção nas atividades, nas explicações do professor e, ainda, expressam uma certa dose de agressividade e impaciência que chega a assustar educadores e até mesmo os pais.

Entretanto faz-se necessário frisar que esta doença não atinge somente crianças, mas uma grande maioria de pessoas que se expõe à velocidade da informação veiculada diariamente.
A SPA produz diversos sintomas como:
Irritabilidade,
Insatisfação existencial,
Dificuldades de concentração,
Alterações de memória,
Fadiga,
Sono alterado,
Perturbações emocionais (flutuação do humor) e
leva a uma ansiedade excessiva.

11 comentários:

SCHEIILA OAK disse...

Deve ser a nova doença do século STRESSSSSSSSS...... paresce até barulho de cobra...tudo gira em torno dessa palavra hoje em dia! Stress em casa, no trânsito ,no trabalho, na escola, nas filas, nos aumentos, em tudo praticamente. Já nascemos assim , acho eu, pq deve ser um stress total pra nascer, sair de dentro da barriga e ouvir gritos de dores da mãe, médicos, enfermeiras correndo, ufa....Fora a teoria que escutamos e sentimos tudo qd estamos dentro do útero materno, aí vixe, danou!!! é só a mãe sair a rua e pronto , gritos, buzinas ,assaltos ,medo e por aí vai......tem que dar tudo em síndromes!!!
bjs.........scheilla Oak

Um mero olhar crítico... disse...

Para isso existe tratamento??? rs Sim, me preocupei com o artigo! E mt obrigado por cotinuar postando assuntos tão interessantes e atuais!

jamison disse...

Ola, sou Jamison. Ha algum lendo algumas materias sobre o assunto, descobri que tenho SPA. Queria saber um tratamento eficiente para trata-la.

Grato

DANI disse...

Gostaria muito de saber como entrar em contato com vc, pois acho q estou com essa síndrome, tenho insônias constantes simplesmente pq não paro de pensar. Sou professora de lp e estou fazendo pós graduação na UFF campus Gragoatá. Quero fazer um tratamento, pq não aguento mais não dormir. Por exemplo, estou há quase 48 hs sem dormir, isso me deixa triste, inconstante, instável...
enfim, aguardo contato
via e-mail: danital1@ig.com.br

PIPOCA disse...

Olá, meu nome é Sandra.
Acredito que tenho esta doença a SPA, pois acordo de madrugada e não consigo parar de pensar, mesmo com muito esforço para desviar o pensamento, não consigo.
Gostaria de saber se há algum tratamento a ser feito.
Aguardo retorno,
Obrigada

Administrador disse...

Caríssima,

Faço tratamento contra essa doença tanto com psiquiatra quanto psicóloga e acho que você deveria mitigar um pouco a descrição da doença para dizer que os seus portadores "podem apresentar" esses sintomas. Não acredito que todos os portadores dessa síndrome apresentem "sempre" todos esses sintomas.
Agora, fica meu depoimento quanto à validade do tratamento psicológico. Graças à minha psicóloga tenho uma qualidade de vida que nunca imaginei alcançar. É uma pena que a medicação - aquela que realmente faz efeito com um mínimo de efeito colateral - seja tão cara.

rafaella disse...

oi, estou começando um relacionamento com uma pessoa que tem o diagnóstico de SPA, gostaria de saber se a síndrome pode atrapalhar muito o nosso relacionamento? como posso agir p demonstrar segurança ao meu parceiro? obg! rafaella.

rafaella disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
aline disse...

Olá, achei interessante o artigo. Há três anos faço terapia e a pouco tempo descobri que possuo a SPA, além de outros transtornos e sídromes. É horrível, cansativo e atrapalha a convivência social. Confesso ficar triste por isso, estou sempre procurando melhorar, mas, infelizmente, nossa mente é quem está no comando, porém quando descobrimos que batem as características com o que nós sentimos o primeiro passo é o reconhecimento e depois, é claro, sempre precisamos de ajuda, um psicólogo ou até mesmo um psiquiatra concerteza irá nos ajudar, faço tratamento com ambos e recomendo!

WebPoent disse...

sHEILA, ACHO QUE TENHO ESTA DOENÇA, NÃO CONSEGO PARAR DE PENSAR, E UANDO ALGO RUIM ACONTECE É PIOR, EPNSO SEMPRE A MESMA COISA"PENSAMENTOS REPETITIVOS"
GOSTARIA DE CONVERSAR COM VOCÊ, VOCÊ TEM CONSULTÓRIO, COMO FAÇO PARA NOS COMUNICAR. AGUAEDO UM RETORNO SEU POR E-MAIL: aracna_ro@yahoo.com.br
bj Rosangela Batista

celia disse...

Levando em consideração o corre corre do dia-a-dia, as tantas responsabilidades contidas numa pessoa só, todos vao encontrar esses sintomas atrelados consigo mesmos. Devemos atentar para os impedimentos que os mesmos nos traz, como a incapacidade de realizar os seus propósitos, pois,vivemos numa sociedade que desperta pavor o tempo todo, a violência assola a populaçao sem dor e sem piedade. Na minha opinião a terapia psicologica deveria ser compromisso de todos uma vez por semana, o ser humano em geral. O estado deveria investir nesse ponto afim de amenizar os conflitos gerados pela insatisfaçao do individuo seja ele na escola , trabalho, familia, sociedade. Temos diante de nossos olhos os mais aterrorizantes acontecimentos devindos de situaçoes inconstantes e insatisfatórios no contigente da vida social.
Tambem preciso desse acompanhamento para melhor me resolver diante os enfrentamentos do dia-a dia.